Srie ‘Le monde de demain’ mostra como o hip-hop conquistou Paris – Cultura


Atores Melvim Boomer e Anthony Bajon cantam em est
JoeyStarr (Melvim Boomer) e Kool Shen (Anthony Bajon) formaram o grupo NTM, destaque do rap francs (foto: Netflix/divulgao)

 

“Le monde de demain”, nova srie em cartaz na plataforma Netflix, mostra o surgimento do hip-hop na Frana. Baseada em fatos ocorridos nos subrbios parisienses na dcada de 1980, mais notadamente em Saint-Denis, a trama destaca o “lado b” da cidade associada ao luxo e ao charme, pouco visto nas produes do mainstream.

No centro da histria esto trs jovens que tm de lidar com os prprios sonhos, na contramo do que a sociedade espera deles. Bruno, Didier e Daniel, mais tarde, se tornaro os rappers Kool Shen, JoeyStarr e Dee Nasty.

Antes da fama, a jornada do trio passa por desafios como o abuso por parte de pais violentos, o “corre” para sobreviver em Paris e represso policial.

Bruno sofre a presso da famlia para se tornar craque do time do Lens. Didier recorrentemente espancado pelo pai, com quem vive desde a suposta morte da me.

Elenco de primeira

Os rapazes aprendem a danar break, capricham nas rimas, promovem festas reprimidas pela polcia. A srie mostra como surgiu o aclamado grupo NTM, formado por Kool Shen e JoeyStarr em 1989. Os rappers so brilhantemente defendidos pelos atores Anthony Bajon (Shen), Melvin Boomer (Starr) e Andranic Manet (Nasty).

Tambm se destaca Laka Blanc-Francard, que d vida a Lady V, codinome de Virginie Sull. Danarina, grafiteira e mulher de Kool Shen, ela morreu aos 29 anos, em acidente de carro.

A jovem Virginie frequenta os arredores do famoso condomnio modernista Les Olympiades, onde se envolve com Kool. Lady V est no centro da interseo entre grafite, rap e breakdance – pilares da cultura hip-hop. Determinada, conquista seu espao naquele universo predominante masculino.

 

Atriz La
Lady V (Laka Blanc-Francard): a fora feminina no hip-hop (foto: Netflix/divulgao)

 

Em seis episdios, a srie ajuda a compreender como o hip-hop surgido entre os negros norte-americanos conquistou espao na cultura francesa.

“Le monde de demain” (“O mundo de amanh”, em portugus) mostra tambm por que nem todos os descendentes de imigrantes africanos, rabes ou latino-americanos que fazem parte da sociedade francesa compartilham do sonho de Benzema, Pogba, Kant e companhia de brilhar no futebol.

“LE MONDE DE DEMAIN”

Srie francesa dirigida por Kattel Quillevere, Helier Cisterne, Vincent Poymiro e David Elkaim. Primeira temporada, com seis episdios. Disponvel na plataforma Netflix.

 

* Estagirio sob superviso da editora-assistente ngela Faria





Source link

Leave a Comment

Your email address will not be published.